Bolsonaro culpa ‘velha política’ e Maia rebate: ‘Mostre nova política’

Presidente falou sobre as últimas polêmicas envolvendo a articulação da reforma da Previdência e o presidente da Câmara

No Chile, o presidente Jair Bolsonaro voltou a falar na “velha política”, em declaração dada neste sábado (23) sobre as últimas polêmicas envolvendo a articulação da reforma da Previdência e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

“Os atritos que acontecem no momento, mesmo estando calado fora do Brasil, acontecem na política lá dentro porque alguns, não são todos, não querem largar a velha política”, afirmou, de acordo com O Globo.

O assessor especial do presidente para assuntos internacionais, Filipe Martins, já havia usado o Twitter, nesta sexta (22), para defender que alas do governo se unam e articulem uma mobilização popular para proteger a Lava Jato, promover reformas econômicas e quebrar “a velha política”.

Maia não gostou nada das declarações do governo e rebateu. “É importante que o governo acerte na articulação. E ele não pode terceirizar a articulação como ele estava fazendo. Quer dizer, transfere para o presidente da Câmara e para o presidente do Senado uma responsabilidade que é dele e fica transferindo e criticando: ‘Ah, a velha política está me pressionando, estão me pressionando’. Então ele precisa assumir essa articulação, porque ele precisa dizer o que é a nova política”, afirmou Maia.

 

Com informações Notícias ao Minuto

 

você pode gostar também Mais do autor