Criança de 9 meses morre em hospital de Soledade, na PB; polícia investiga possível estupro

Boletim de Ocorrência registrado por um policial militar relata denúncia de médico sobre lesões no corpo da criança que, após convulsões, morreu ao dar entrada na unidade de saúde.

Foto: Divulgação

Uma criança de 9 meses morreu na noite da quarta-feira (29), após ser levada para o Hospital de Soledade, no Agreste da Paraíba. De acordo com o delegado seccional de Polícia Civil, Durval Barros, a polícia investiga se a criança teria passado mal após ter sido vítima de um possível estupro.

Conforme um Boletim de Ocorrência registrado por um Policial Militar na Delegacia de Polícia Civil de Esperança, o PM estava de serviço em Soledade quando foi acionado pela Guarda Municipal ao hospital da cidade. Ao chegar no local, o médico que atendeu a criança disse que precisava fazer uma denúncia.

De acordo com o boletim, o médico relatou ao policial que a criança deu entrada na unidade de saúde com com 40 graus de febre e morreu após uma uma crise convulsiva. Após a morte, o médico analisou o corpo do bebê e percebeu lesões na criança que indicam estupro.

Segundo relato da mãe da criança ao médico, a filha tinha paralisia cerebral e ela havia levado a criança para realizar um exame em Campina Grande. Na volta para São José do Sabugi, onde moram, ela parou para jantar em um restaurante de Soledade, foi quando a criança teve convulsões e foi levada para o hospital da cidade pela mãe.

O corpo da criança foi encaminhado ao Núcleo de Medicina e Odontologia Legal de Campina Grande para passar por exames de corpo de delito.

Na manhã desta quinta-feira (30), o delegado Durval Barros informou que o caso é delicado e que está sendo investigado pela Polícia Civil de Soledade. “Até agora o que temos é esse boletim registrado na Delegacia de Esperança, mas estamos investigando o caso”, disse.

G1

você pode gostar também Mais do autor