Grande João Pessoa terá medidas mais rígidas a partir de terça-feira

Cidades que integram a Região Metropolitana de João Pessoa terão medidas mais duras a partir da próxima terça-feira (19) para combater a propagação do novo coronavírus.

Em reunião liderada pelo governador João Azevêdo (Cidadania) na manhã desta quinta-feira (14) com os prefeitos Luciano Cartaxo, da Capital, Emerson Panta, de Santa Rita, Berg Lima, de Bayeux, Márcia Lucena, do Conde, e Victor Hugo, de Cabedelo, ficou definido que até a próxima segunda-feira haverá a assinatura de um decreto único entre os municípios e o estado.

Ao MaisPB, o prefeito Berg Lima informou que dentre as restrições estão o controle mais rígido da circulação de pessoas, conter o fluxo de veículos, além da sugestão de barreiras sanitárias e o possível toque de recolher.

Os prefeitos deverão encaminhar as sugestões para que haja definição do teor da medida.

Grande JP é o epicentro da covid-19 na Paraíba

Dos 3045 casos confirmados de covid-19 na Paraíba, a maioria está na Região Metropolitana de João Pessoa.

Na capital, são 1368 pessoas infectadas. Santa Rita é o segundo município do estado em numero de registros, com 250 pessoas acometidas da doença.

Bayeux tem 74, Cabedelo 140 e Conde 24.

De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado, a taxa de ocupação de UTI para adultos é de 81% na Região. O Índice de Isolamento social registrado pela Inloco no dia anterior é de 43,7%.

MaisPB 

você pode gostar também Mais do autor